logo

Especialidades

Catarata

Catarata

 

A catarata é uma alteração intra-ocular muito comum em pessoas acima de 60 anos, e é considerada a maior causa de cegueira reversível no mundo.

 

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, (WHO – World Health Organization), existem atualmente 45 milhões de cegos no mundo, dos quais 46% têm como causa a catarata.

 

O que é a catarata?

No olho humano existe uma estrutura interna chamada cristalino. O cristalino é uma lente natural que tem a função de focalizar os raios de luz na retina para formar a imagem que estamos vendo. Por isso, para termos uma visão adequada, é preciso que o cristalino seja transparente.  Com o cristalino transparente, os raios de luz entram normalmente no olho até serem captados pela retina (veja na imagem abaixo)

 

A catarata é o cristalino opacificado, que impede os raios de luz de chegarem normalmente na retina, prejudicando a visão.

 

É muito fácil de entender esta situação. Pense na sua sala de estar com as cortinas fechadas. Você consegue ver o lado de fora? Consegue ver quem está na rua? Mesmo com as janelas abertas, só vamos conseguir ver a parte de fora da casa se abrirmos (ou retirarmos) as cortinas. Enquanto as cortinas estão fechadas, não conseguimos visualizar o lado de fora da casa. A catarata funciona como uma cortina dentro do olho. E a retirada desta "cortina" é fundamental para melhorar a visão do paciente. Por isso é necessário uma indicação precisa de cirurgia para recuperar a visão perdida.  

 

O que pode levar à formação da catarata?

Em geral, a catarata começa a aparecer depois dos 60 anos, porém esse processo pode ter início mais precoce (inclusive ao nascimento). O envelhecimento natural das células do cristalino é a causa mais comum da catarata, embora existam outras origens: hereditariedade, traumatismo, doenças sistêmicas, congênitas, medicamentos e infecções oculares. Algumas cataratas são lentas e outras progridem com maior rapidez.

 

Quais os sintomas do paciente que apresenta catarata?

No início, a pessoa vê como se estivesse com a lente dos óculos embaçada ou com uma névoa diante dos olhos, conforme mostra a imagem abaixo. Com a evolução do quadro, passa a enxergar apenas vultos. A catarata pode causar também visão dupla, confusão para ver ou distinguir cores, alteração frequente do grau de óculos, muita dificuldade para a leitura e visão pior com luminosidade. 

 

Como é feito o diagnóstico de catarata?

O diagnóstico de catarata é feito pelo oftalmologista. Valendo-se de um exame minucioso, ele verificará se o cristalino possui algum tipo de opacidade.

 

Qual o tratamento?

Não existe tratamento clínico para catarata, este é sempre cirúrgico. A partir do momento em que a baixa acuidade visual não é mais corrigida com o uso de correções ópticas há indicação da cirurgia de catarata.

 

Outras especialidades

CONVÊNIOS

Veja todos os convênios

Fale com a gente

Localização

Rua Souza Dutra, 145, sala 706
Estreito Florianópolis - SC - Brasil
CEP: 88070-605

Fone: 48 3206-2227 ou 3206-2228

Clínica de Olhos Continente S/S. Todos os Direitos Reservados.