logo

Especialidades

Injeção Intravítrea

A injeção intravítrea consiste na aplicação de medicação diretamente no vítreo (gel do olho), através da esclera (parte branca do olho).

É utilizada no tratamento de doenças em que os colírios não tem boa penetração, como degeneração macular relacionada à idade, membrana neovascular subretiniana, edema macular, maculopatia diabética, uveíte e até mesmo endoftalmite (infecção intra-ocular).

Com pequena quantidade de medicação, consegue-se boa concentração da mesma, pois é injetada diretamente no vítreo. O procedimento é rápido, realizado com anestesia tópica e em centro cirúrgico. A alta ocorre logo após a aplicação e logo o paciente é liberado para retomar suas atividades diárias.

As medicações mais utilizadas na injeção intravítrea são Ranibizumabe (Lucents), o Eylia® (aflibercepte), a triancinolona, o Ozurdex® (implante biodegradável de dexametasona) e antibióticos.

O número de aplicações e o intervalo entre elas são individualizados, variando de acordo com a doença e a resposta de cada paciente. Geralmente mais de uma aplicação é necessária.

As complicações das injeções intravítreas são raras, mas já foi descrito inflamação, infecção, descolamento de retina, hemorragia conjuntival e aumento da pressão intra-ocular.

Outras especialidades

CONVÊNIOS

Veja todos os convênios

Fale com a gente

Localização

Rua Souza Dutra, 145, sala 706
Estreito Florianópolis - SC - Brasil
CEP: 88070-605

Fone: 48 3206-2227 ou 3206-2228

Clínica de Olhos Continente S/S. Todos os Direitos Reservados.